VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS
VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

Hoje vamos falar dos vira latas ! essa raça muito especial que merece muito carinho e atenção, assim como todas as outras raças, então vamos lá ?

Todos conhecem o famoso vira-lata, aquele cachorrinho ou gato com olhos pidões que muitas vezes vive nas ruas, sem poder ter a chance de ter uma casa com conforto e carinho. Infelizmente essa é a realidade da grande maioria deles. Eu particularmente me derreto por cães ou gatos sem raça definida, SRD. Infelizmente muitas pessoas acham ainda que pelo animal ser vira-lata ele é muito levado e bagunceiro e por isso a maioria é abandonado nas ruas. Uma enorme e triste realidade aqui no Brasil.

Mas não vamos esquecer que um  pet de raça pura tem as mesmas probabilidades de ser tão doidinho e bagunceiro quanto  vira lata , o que o torna  ainda mais especial!

10-motivos-para-adotar-um-cachorro-vira-lata-cachorros-fofos

 

O que é um SRD?

Os SRD, como são chamados em textos veterinários, são todos os cães e gatos que não tem origem definida, sendo a mistura entre duas raças ou mais na linhagem do animal. Com essa mesclagem de DNA’s é possível encontrar vira-latas de diversas cores, tamanhos, temperamentos e características.

Semana foi pesada, boa noite humanos

Quer ter um companheiro mas não sabe se adota um SRD ou Compra um com Pedigree?

A adoção de vira-latas está crescendo cada vez mais devido à ampla conscientização das pessoas com relação à situação desses bichinhos e mostrando que eles também têm muito amor para dar. Além de serem, inteligentes, afetuosos e companheiros.

Segundo levantamento feito pelo Instituto Datafolha, que entrevistou 613 donos de cães na cidade de São Paulo, apenas 26% dos pets foram comprados.

Mas afinal, qual é a grande diferença em ter pedigree e ser um malandrinho? O vira-lata é um cão ou gato como outro qualquer. Nos peludos é possível ver que ele é um SRD e pode não tem a nobreza e beleza de um cachorro de raça, mas ganham pela esperteza e simpatia. Já os bichanos, além de espertos e malandros, tem uma pose de nobreza impecável, o que acaba tornando difícil a distinção.

Por isso não tenha medo de se entregar a um vira lata, eles são extremamente carentes e fiéis ! Irão sempre te agradecer por ter tirado eles das ruas.

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

Tamanho:

Os vira latas podem ter diversos tamanhos, desde pequenos até de grande porte.

Pelagem:

A pelagem varia bastante, podendo ser de pelos curtos, pelos médios e pelos longos. Merecendo atenção especial para os de pelos longos pois merecem um tratamento melhor para não deixar o pelinho crescer demais e ficar embaraçado.

Temperamento :

Eles são bem enérgicos , alguns são extremamente protetores e ciumentos com seus donos, outros são preguiçosos , mas possuem uma energia e tanto!  e gostam de brincadeiras longas. Alguns aprendem fácil a fazer suas necessidades no local correto, sem precisar ter toda aquela dor de cabeça.

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

Nível de atividade:

Nível de atividade médio a alto , necessita de  passeios regulares. A raça se adapta bem a qualquer espaço, desde um apartamento pequeno até casas com quintal.

Atividade de guarda:

Com certeza eles irão te avisar se ouvirem algo errado na casa!

Inteligência e obediência

Bastante independente e obediente, são bem inteligentes e sabem responder aos comandos de ordem.

Cuidados :

Como qualquer outra raça os vira latas merecem alguns cuidados, como uma alimentação balanceada com rações de boa qualidade, escovação diária para os que tem a pelagem mais longa  é necessário para evitar embolamento dos pelos e uma aparação mensal pode ser realizada em profissional habilitado. Banhos semanais ou quinzenais com shampoo especial, e lembre-se, é preciso tomar cuidado para não entrar água dentro do ouvido, pois pode causar otites. Se não ocorre o desgaste natural das unhas por passear em pisos ásperos, deve-se providenciar o corte de unhas a cada 45 – 90 dias.

Quantos anos vive um vira lata?

Esses companheiros vivem de 10 a 15 anos

O vira lata late muito?

Via de regra o vira tem um comportamento elétrico, costuma latir para brincar, para chamar a atenção dos membros da família.

Vive bem em apartamento?

O Vira lata vive bem independente do lugar, desde que tenha a atenção e os cuidados necessários, cães que vivem em apartamentos precisam passear pelo menos uma vez ao dia, para gastar sua energia e ficar menos elétrico.

Os gatos vivem muito bem em apartamentos, DESDE QUE , todas as janelas SEJAM TELADAS!!!! ( Esses bixanos NÃO POSSUEM NOÇÃO DE ALTURA, portanto se as janelas não forem teladas , eles acabam pulando e morrendo, então MUITO CUIDADO!!!

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

A saúde do vira-lata

Você já escutou que o vira-lata não possui doenças genéticas e é mais resistente que os animais de raça pura?
Os pets de raça pura foram selecionados para seguirem o padrão da raça, por isso tendem a desenvolver problemas mais específicos. Os animais sem raça definida não tem um padrão característico e com a variedade genética esses animais se tornam menos predispostos a desenvolverem certas doenças.

Porém, mesmo com essa resistência a mais os vira-latas precisam de tratamentos e cuidados, como estar com a vacinação em dia e fazer check-ups periódicos com o seu médico veterinário de confiança.

Hora de dormir e começar tudo de novo amanhã! Boa noite

Foi passear na rua e encontrou um animal e resolveu chamá-lo de seu?

Nessa situação o mais indicado é levá-lo ao veterinário para ver como anda a saúde dele para saber se é preciso realizar algum tratamento ou cirurgia para viver tranquilamente com o seu novo pet.

Para aqueles que acompanham o instagram do petnamodaoficial, lá eu conto um pouco sobre minha gatinha Wendy, que achei nas ruas ainda filhotinha. E uma cena que jamais vou esquecer é que eu senti a gratidão dela quando tirei ela das ruas. Eu não sabia direito o que era ronronar porque nunca tive um gato, e aquele dia em que peguei ela , ela não parava um minuto de ronronar, eu até achei que ela tinha probleminha respiratório. Mas hoje eu vejo que aquilo era felicidade e gratidão, de eu ter dado uma chance pra que ela possa viver confortavelmente , repleta de carinho e amor.

Essa é a minha gatinha Wendy

Essa é a minha gatinha Wendy

Por isso não deixe de olhar pra trás, ajude uma vidinha dessas a ter a chance de ser feliz, pois a maioria dos cachorros e gatos vira latas são maltratados , machucados e o pior de tudo , são mortos por não terem uma chance de ter uma família.

Outro modo de conseguir um malandrinho é adotar! A adoção é um ato grandioso que ajuda animais a conseguirem uma família para chamar de sua. Entre em contato com ONG’s de sua cidade e apoie essa causa.

Se você não quiser adotar, faça algumas pequenas ações ,como por exemplo comprar um pouquinho de ração e deixar em um potinho em algum lugar na rua, pra que os pequeninos possam comer sem ter que procurar alimento nos lixos.

Ta vendo esse gatinho preto ?

VIRA LATA – TUDO SOBRE A RAÇA – GUIA DE RAÇAS

pois é , muitos ainda maltratam e judiam desse animalzinho por um PRECONCEITO absurdo e ignorante.

Muitas pessoas acreditam que gatos pretos dão azar, e alguns matam esses gatinhos em algumas datas comemorativas , por acreditar que eles trazem coisas ruins pra gente.

Mas na realidade,  o que trás coisa ruim é esses pensamentos ignorantes.

Como um ser criado por Deus pode trazer mal á alguém ? Eles são criaturinhas , cheias de muito amor e carinho, capazes de amar um ao outro assim como qualquer outro gato ou cachorro. E eles estão em montes por ai nas ruas pois as pessoas AINDA ACREDITAM EM SUPERSTIÇÕES !

Vamos evoluir espiritualmente e mentalmente , e vamos ajudar esses coitadinhos a terem uma vida livre de maltrato e mortes.


Se ficou com alguma dúvida, mande aqui pra gente 🙂

Equipe Petnamoda

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *